CALANGOTANGO não é um blog do mundo virtual. Não é uma opinião, uma personalidade ou uma pessoa. É a diversidade de idéias e mãos que se juntam para fazer cidadania com seriedade e alegria.

Sávio Ximenes Hackradt

22.3.12


Cerca de 87% dos reajustes salariais realizados em 2011 resultaram em aumento real de salários, ou seja, em um porcentual maior que a inflação medida pelo INPC, segundo estudo do Departamento Intersindical de Estatística de Estudos Socioeconômico (Dieese). O resultado é um pouco inferior ao de 2010, quando 88,2% dos reajustes foram feitos com aumento real.

Marcelle Ribeiro, O Globo

Nos demais acordos analisados pelo Dieese, 7,5% foram corrigidos por percentual igual à inflação e 5,7% ficaram abaixo. A grande maioria dos reajustes acima da inflação se limitou a até 2%: em 62,2% dos acordos os aumentos reais não ultrapassaram 2%.

O aumento real médio obtido pelos trabalhadores foi de 1,38%, ligeiramente menor do que em 2010, de 1,68%. O maior aumento real registrado pelo Dieese foi de 9,36% e menor ficou em -3,93%.
O coordenador de relações sindicais do Dieese, José Silvestre, considerou os resultados de 2011 positivos apesar de ele terem sido inferiores aos do ano anterior.

— Foi um resultado extremamente positivo diante do cenário enfrentado em 2011. No ano passado houve o entusiasmo de 2010, quando houve um grande crescimento do PIB, e isso intensificou a ação sindical. Também temos que considerar uma variável fundamental que é a inflação, que foi de dois pontos percentuais na média mais alta em 2011 que em 2010. E o ganho real médio de 1,38% contra 1,68% é muito próximo — disse Silvestre 


0 comentários:

Postar um comentário

Estação Música Total

Últimas do Twitter



Receba nossas atualizações em seu email



Arquivo